Contadora de histórias de Guaçuí representa o ES em evento internacional

Contadora de histórias de Guaçuí representa o ES em evento internacional

  Ela representou o Estado no 14º Evento Internacional de Contadores de História de Brasília realizado no último final de semana

Foto Divulgação

A atriz e contadora de histórias, Eliane Correia, de Guaçuí, na região do Caparaó, representou o Espírito Santo no 14º Evento Internacional de Contadores de Histórias de Brasília. O evento aconteceu na Chácara Recanto Jequitibá, em Brazilândia, no último final de semana (de 14 a 17), numa realização da Associação Amigos da Histórias. Houve também um momento na Câmara dos Deputados, onde ela recebeu homenagem.

Além de trabalhos com o Grupo Teatral Gota, Pó e Poeira, de Guaçuí, e o Grupo Teatral Caparaó, de Alegre, Eliane Correia é componente da Cia. Mais um Ponto, Mais um Conto. Ela levou lendas e histórias da região Caparaó, propagando-as em um dos momentos do evento, no Plenário da Câmara dos Deputados, onde foi homenageada.

Eliane recebeu a homenagem da deputada Erica Kokay, por seu fazer artístico e por fomentar as artes literárias, dando cena ao processo de fortalecimento da leitura e das artes. "O evento foi de extrema importância e relevância para nosso município e região do Caparaó Capixaba, porque pude levar um pouco de nossas histórias e lendas e divulgá-las internacionalmente", destaca Eliane.

O evento é organizado pelo casal Willian e Maristela Papa, membros da Associação Amigos das Histórias. Este ano, foram reunidos contadores e escritores de Brasília, Goiás, Minas Gerais, Pernambuco, Recife, São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Espírito Santo. Além dos caciques e integrantes da aldeia Pataxó, ao sul da Bahia e da Aldeia dos Tupi-Guarani, de Santos (SP), e da presença de um contador de histórias do Peru. 

O evento internacional teve uma festa dos anos 60, para acolher os participantes. E depois contou com oficinas e vivências, além de Sarau de Histórias, Fogueira de Histórias e Roda de Saberes. "Acreditamos que a arte de contar histórias aproxima as pessoas, humaniza e transforma a palavra escrita em palavra viva", afirmam os organizadores. "Por este fato, desde a primeira edição, optamos por oferecer, aos narradores, uma linda homenagem aos contadores de histórias", finalizam. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 19 Mai 2024

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://anoticiadocaparao.com.br/